Conheça a Medicina Ortomolecular

O Dr. Linus Pauling, um bioquímico de grande renome e por duas vezes ganhador do prêmio nobel, foi o criador e grande incentivador da Medicina Ortomolecular.

Após ser acometido pela doença de Bright, em 1941, considerada incurável pela medicina da época, Pauling fez um tratamento alternativo com o Dr. Thomas Addis. A partir de então, passou a buscar novas respostas para a prevenção e cura das doenças.

ortomolecular-medicina

Dr. Pauling, um dos fundadores da Biologia Molecular, publicou na revista Science em 1968, o artigo Psiquiatria ortomolecular: como o uso de substâncias normalmente presentes no corpo humano pode controlar doenças mentais, cravando o termo ortomolecular pela primeira vez.

Em 1973, ele fundou o Instituto de Medicina Ortomolecular, que mais tarde viria a se chamar Instituto Linus Pauling de Ciência e Medicina, onde o Dr. Linus continuou suas pesquisas sobre o efeito dos radicais livres na saúde humana.

O que é Medicina Ortomolecular

A Medicina Ortomolecular estuda a participação dos radicais livres na fisiopatologia das doenças  e a ação dos antioxidantes no controle do estresse oxidativo provocado por essas moléculas. Os antioxidantes são, em sua grande maioria, nutrientes que estão presentes nos alimentos, como vitaminas, minerais, aminoácidos, ômegas-3, entre outros. Pesquisa o efeito de estresse, poluentes ambientais e outras substâncias tóxicas na formação de radicais livres e suas consequências sobre a saúde humana. Por exemplo, vários metais tóxicos e excesso de cortisol provocado pelo estresse intoxicam o cérebro,  contribuindo para o desenvolvimento de doenças degenerativas cerebrais.

Este ramo da medicina estuda o uso de nutrientes na prevenção e otimização da saúde e da performance do organismo como um todo e no tratamento das doenças. A saúde que buscamos é mais que a simples ausência de doença. É um estado de equilíbrio, fruto de uma relação harmônica entre genética, ambiente e estilo de vida. É o equilíbrio que abre caminho para a saúde, o bem-estar, a beleza e a longevidade.

Como é uma Consulta Ortomolecular na Clínica Dr. Frederico Pretti

1.    Avaliamos a pessoa como um todo, por meio de uma ampla investigação clínica, nutricional, hormonal, metabólica e emocional, realizada por de meio de exames laboratoriais e uma análise global feita na clínica através de dois software: Sistema EIS e Nerve Express.

2.    Avaliamos o nível de estresse oxidativo, causado pelos radicais livres.

3.    Avaliamos a possibilidade de intoxicação por metais tóxicos.

4.    Avaliamos a possibilidade de intolerâncias alimentares.

5.    Avaliamos predisposições genéticas através de testes genéticos.

Radicais livres – o que eles podem causar à sua saúde:

Qualquer molécula pode se tornar um radical livre e o oxigênio é o principal formador de radicais livres no corpo humano. Os radicais livres são essenciais à vida, mas quando em excesso, eles podem causar sérios danos à sua saúde, como: câncer, doenças cardiovasculares, doenças degenerativas cerebrais, doenças inflamatórias, envelhecimento precoce, etc.

Os radicais livres podem lesar o organismo como um todo, do cérebro ao intestino. Eles lesam a membrana de proteção das células; a mitocôndria, que é a central energética das células e o DNA responsável pela transmissão genética e pelos moldes de produção de diversas moléculas, levando a morte das células.

E porque os radicais livres são essenciais à vida? Porque deles depende o perfeito funcionamento do sistema imunológico, o combate a vírus e bactérias, e sistema de desintoxicação de poluentes ambientais, agrotóxicos, fumo, álcool e outras drogas.

O que provoca o excesso de Radicais Livres?

Alimentação inadequada com excesso de alimentos industrializados, deficiência de nutrientes antioxidantes, inflamação, infecção, estresse, poluentes ambientais, agrotóxicos, fumo, álcool, outras drogas e exposição aos raios solares UV.

O estresse pode ser um grande vilão. Isto porque cada molécula de adrenalina que você produz em um pico de estresse, produz 4 moléculas de radicais livres.

Como combater o excesso de Radicais Livres?

Através de uma alimentação mais saudável, redução do nível de estresse, a prática regular de atividade física e uma boa noite de sono, você pode reduzir a formação de radicais livres e consequentemente proteger a sua saúde.

A Medicina Ortomolecular utiliza vários nutrientes e outras substâncias químicas com propriedades antioxidante, na prevenção e tratamento de várias doenças.

Principais Antioxidantes:

·      Vitaminas – A, C, D, E, K2 e o Complexo B.

·      Minerais – Magnésio, manganês, selênio, zinco, ferro e cobre.

·      Aminoácidos – Carnitina, carnosina, taurina, n-acetilcisteína, etc.

·      Flavonoides – Betacaroteno, licopeno, luteolina, luteína, zeaxantina e quercetina.

·      Ômegas – Ômega-3, 6 e 9, e gorduras monoinsaturadas, como o azeite extravirgem.

·      Enzimas Mitocondriais – Ácido lipóico, ubiquinol, coenzima Q.10, PQQ, etc.

No vídeo abaixo, o Dr. Frederico Pretti fala sobre a origem e como funciona a Medicina Ortomolecular


Share
Postado em 23 de agosto de 2017, por  
Tags:
Leia os comentários   |   Deixe um comentário


Deixe um comentário

 (obrigatório)
 (Não será publicado - obrigatório)



Últimos Posts



Posts mais visitados



Filtrar por temas



Depoimentos

F.B.P – 39 ANOS – Engenheira

Procurei a Clínica do Dr. Frederico Pretti em 2013, para fazer um Programa de Remodelação Corporal e depois entrei para o Programa Anti-Aging, e desde então venho obtendo muito bons resultados. Considero o tratamento ortomolecular como um processo contínuo de investimento em minha saúde e no meu bem-estar. Eu melhorei a minha disposição para a […]*


*Os resultados podem variar de pessoa para pessoa.
Gastronomia - Confira nossas receitas